Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Pensamentos Nómadas

Nomadic Thoughts - Pensées Nomades - Кочевые Мысли - الأفكار البدوية - 游牧理念

Pensamentos Nómadas

Nomadic Thoughts - Pensées Nomades - Кочевые Мысли - الأفكار البدوية - 游牧理念

Adeus ò Ratzinger, triste inquisidor!, por Luís Garcia

 

Luís Garcia RELIGIÃO

Nos tempo modernos, críticas e pensamentos desconstruindo ou atacando as incoerências e disparates escritos na Bíblia passaram a ter uma reacção no mínimo divertida: já não tendo mais por onde argumentar, os senhores da igreja passaram a defender a bíblia e as suas absurdidades explicando que "o que  lá vem escrito não é para ser levado à letra", que "Adão e Eva são metáforas",  que "é preciso interpretar cuidadosamente as escrituras", etc.

Ora, andava aqui eu a ler umas coisas sobre o senhor Pierre Teillhard de Chardin (padre jesuíta francês e paleontólogo) que tinha umas ideias engraçadas - por exemplo, tentou modernamente conciliar a doutrina cristã com a teoria da evolução -, e vejam o que descobri: este senhor, por heresias como as de considerar precisamente o mito de Adão e Eva uma metáfora, e por considerar também que  o "pecado original" daquele casal lendário mais não seria senão uma metáfora da "propensão natural do homem para o mal", acabou por ser chamado em 1962 a Roma pelo Santo Ofício, e convidado a abandonar estas suas teses que de acordo  com aquela instituição continham "erros sérios e ofensivos para a doutrina católica".

 

No tempo em que a igreja defendia já a "interpretação da bíblia" e o "não levar à letra", condenava no entanto um dos seus por o fazer. Tudo bem, incoerências, nada de novo nesta organização. Interessante foi descobrir que o cardeal prefeito da Santa Congregação para a Doutrina da Fé (nome moderno para Inquisição) na altura era o nosso querídissimo Ratzinger, papa Bento XVI que está prestes a deixar de o ser....

 

Luís Garcia, Ribamar, Portugal, 16.02.2013

 

 

 

>

Vá lá, siga-nos no Facebook! :)
visite-nos em: PensamentosNómadas